Pesquisa diz que jovens curtem mais músicas dos anos 60 aos 90 do que as atuais

Redação 89

Pesquisa diz que jovens curtem mais músicas dos anos 60 aos 90 do que as atuais imagem divulgação

Um novo estudo conduzido por pesquisadores da Universidade de Nova York, nos Estados Unidos, e publicado na revista PLoS ONE, indicou que os Millennials, aquelas pessoas nascidas a partir da virada do milênio, conseguem identificar mais facilmente sucessos dos anos 60, 70, 80 e 90 do que as músicas contemporâneas.

“O período dos anos 60 aos 90 foi um momento tão especial na música, que até mesmo os millennials identificam isso”, disse o professor Pascal Wallisch, principal autor do estudo.

De acordo com o estudo, houve uma ‘diversidade significativamente maior’ de músicas alcançando o topo das paradas entre 1961 e 1999 em comparação com anos anteriores e posteriores.

Os pesquisadores analisaram a capacidade de reconhecer músicas de 643 participantes. As canções mais facilmente reconhecidas foram “When a Man Loves a Woman”, de Percy Sledge (1966), “Baby Come Back”, do Player (1977) e “The Tide Is High”, de Blondie (1980).

“O Spotify nasceu em 2008, bem depois que quase 90% das músicas que estudamos foram lançadas, o que indica que os millennials estão cientes das canções que, em geral, foram criadas antes deles nascerem e ainda assim escolhem ouvi-las”, disse Wallisch.



NOTÍCIAS RELACIONADAS


COMPARTILHE


Mortgage Loans Refinancing Hemorrhoids Prevention Avenue Theme