SUPERBANNER BONÉ RS

OMD retorna com novo álbum “Bauhaus Staircase”; conheça a faixa-título

Redação 89

OMD retorna com novo álbum “Bauhaus Staircase”; conheça a faixa-título imagem divulgação

Seis anos desde o lançamento de seu amplamente elogiado The Punishment Of Luxury, os pioneiros da música de sintetizador Orchestral Maneuvers In The Dark, ou simplesmente OMD, retornam com seu novo álbum Bauhaus Staircase, que será lançado em 27 de outubro (pré-venda AQUI).

A primeira oferta do álbum é a faixa-título, que serve como um aceno para o amor de Andy McCluskey pela era Bauhaus e o poder da arte de protesto. O single desembarcou nesta quarta-feira (23) nos serviços de streaming (AQUI).

“Sou um grande amante das artes visuais, especialmente dos movimentos de meados do século 20”, comenta Andy. “A música é uma metáfora da força e da paixão do artista diante das críticas e adversidades. Quando os tempos são difíceis, os governos tendem a cortar o financiamento para a criatividade, justamente no momento em que as artes são mais necessárias para nutrir nossas almas. Parece apropriado que a música e seu álbum homônimo foram criados durante o Covid.”

Chega como o disco mais explicitamente político da banda e a coroação de seu desejo de ser Stockhausen e Abba – nascido do ímpeto de iniciar novas explorações durante o lockdown quando, como Andy McCluskey admite: “Redescobri o poder criativo do tédio total.”

Predominantemente escrito, gravado e mixado por McCluskey e Paul Humphreys (que recentemente se tornou pai pela segunda vez), a outra principal influência externa de Bauhaus Staircase foi David Watts, conhecido principalmente como um produtor de rock que comandou o recente álbum e mixou duas faixas no novo álbum OMD.

Variando da bela balada film noir de ‘Veruschka’ a ‘Anthropocene’ – um termo para a época atual na evolução da Terra, à sinistra ‘Evolution Of Species’ e à agitada ‘Kleptocracy’ – a maior canção de protesto de OMD – o novo álbum é uma obra-prima ampla, eletrônica e sonora que liricamente aborda os tópicos do futuro. O álbum termina com ‘Healing’ – um momento de calma reflexiva e uma rara coautoria de OMD, com letras da amiga de McCluskey, a cantora e compositora de Liverpool Caroline England, e produção de ATOM TM.

OMD vendeu surpreendentes 25 milhões de singles e 15 milhões de álbuns, o que os estabeleceu como pioneiros do sintetizador eletrônico e um dos grupos pop mais amados da Grã-Bretanha. Seus 13 álbuns incluem os relançados Orchestral Maneuvers In The Dark (1980), Organisation (1980), Architecture & Morality (1981) e Dazzle Ships (1983).

Por direito, OMD deveria estar em semi-aposentadoria, apresentando clássicos como Enola Gay e Maid Of Orleans no circuito de festivais de nostalgia como tantos outros. Em vez disso, eles criaram um álbum marcante digno de seu melhor trabalho. Mas Bauhaus Staircase permanece inconfundivelmente o trabalho de uma dupla que ainda está perfeitamente sincronizada 45 anos após seu primeiro show no lendário clube de Liverpool, Eric’s.

“Estou muito feliz com o que fizemos neste disco”, resume McCluskey. “Estou confortável se esta for a última declaração da OMD.”

Confira no player abaixo o vídeo em animação de “Bauhaus Staircas”:



COMPARTILHE


NOTÍCIAS RELACIONADAS