Promoção - TEMOS VAGAS 2024 | Lollapalooza

Maglore, Fernanda Takai e John Ulhoa se unem em versão de “Não Existe Saudade no Cosmos”

Redação 89

Maglore, Fernanda Takai e John Ulhoa se unem em versão de “Não Existe Saudade no Cosmos” imagem divulgação

“Não Existe Saudade no Cosmos” trilha uma curiosa trajetória de ressignificados desde a sua composição. De autoria de Teago Oliveira, vocalista Maglore, a faixa chegou a ser gravada pela banda em 2017, mas não foi lançada.

A música seria apresentada ao mundo em 2018, quando Erasmo Carlos a eternizou na tracklist do seu disco, …amor é isso. O show em comemoração aos 10 anos de carreira da Maglore, em 2019, resultou em um registro ao vivo. Foi ali, no palco do Cine Joia, em São Paulo, que o grupo mostrou – pela primeira vez – a sua versão para a música.

No dia 2 de outubro, “Não Existe Saudade no Cosmos” ganha novos contornos. Desta vez, em uma parceria inédita da Maglore com Fernanda Takai e John Ulhoa, pela gravadora Deck.

“Nós somos fãs do Pato Fu. Surgiu a ideia de uma nova versão para a música e pensamos na Fernanda Takai e no John Ulhoa. Quando eles ouviram e toparam, foi só alegria”, lembra Teago Oliveira. “O convite foi um verdadeiro presente pra eu cantar. A canção é ótima e acho que a minha voz e a do Teago se complementaram de um jeito muito bonito”, avalia Fernanda Takai.

Gravada à distância, a base para a parceria foi aquela versão primogênita, de 2017, nunca utilizada pela banda. A princípio, “Não Existe Saudade no Cosmos” era uma das faixas do álbum mais recente da Maglore, Todas as Bandeiras (2017).

Utilize o player abaixo e ouça:



COMPARTILHE


NOTÍCIAS RELACIONADAS