SUPERBANNER BONÉ RS

Baru Baru traz reflexão sobre o Caos em novo single “Distopia”

Redação 89

Baru Baru traz reflexão sobre o Caos em novo single “Distopia” imagem divulgação

A banda Baru Baru lança seu mais novo single, “Distopia”, pela Marã Música, disponível em todos os aplicativos de música. Este lançamento marca uma nova fase na carreira da banda, trazendo uma profundidade e densidade inéditas em suas composições.

“Distopia” é uma reflexão intensa e interna. A banda explora um mundo que, objetivamente, não faz sentido, retratando o caos e a confusão de não entender se essa desordem é interna ou externa. “É uma música densa e obscura. Falamos sobre um lugar imaginário, questionando nossa própria existência,” comenta a banda. Este single coloca em pauta um embate onde as integrantes se identificam nas margens do real e do imaginário.

A produção, conduzida pela integrante da banda Vivian, capturou perfeitamente a mensagem de densidade e intensidade que a banda queria transmitir. “O synth bass pesado, que guia toda a música, foi a primeira coisa que norteou a produção. Queríamos fugir completamente de tudo que já tínhamos feito, trazendo referências de sons mais eletrônicos para marcar a profundidade,” explica a banda. A sonoridade dessa faixa se destaca por sua modernidade, integrando elementos eletrônicos que diferenciam “Distopia” das músicas anteriores da Baru Baru.

A composição de “Distopia” começou de forma introspectiva, com um violão de nylon. “A banda se juntou em um ponto comum,” compartilham. Este processo colaborativo permitiu que cada integrante explorasse novas vertentes e profundidades musicais, resultando em uma música que representa um amadurecimento significativo para o grupo. A Baru Baru busca solidificar este novo momento e amadurecer suas composições sonoras, conectando-se mais profundamente com as mensagens de suas músicas.

Junto com o single, o clipe de “Distopia” será lançado também no dia 28, às 11h, no canal oficial da banda no YouTube. “O clipe consegue passar exatamente a mensagem que buscávamos da música, através de figurino, objetos, luzes e sombras, e cenas pensadas com todos os detalhes para isso,” destaca a banda. A gravação durou um dia inteiro e contou com uma equipe excepcional. “Trabalhar com o Raw e toda a equipe foi muito especial. Eles tiveram um olhar muito sensível o tempo todo, e conseguiram tirar o melhor de nós no set. O resultado ficou excepcional.”

Baru Baru é um desdobramento da banda antiga das integrantes Andressa Fellini, Bárbara Hipólito e Milena Tavares, que antes formavam a Corcel. Com oito anos de estrada, elas queriam ressignificar sua relação com a música e representar seu amadurecimento musical. “Fazemos arte e trabalhamos para entregar música como lugar de fala,” dizem as integrantes. Seja na performance, no posicionamento ou na atitude em cima do palco, a banda carrega a mensagem simbólica e visual de três mulheres que tocam diversos instrumentos, representando o sonho de muitas meninas e mulheres. “Nos sentimos endossadas por todas as mulheres que validam nossa força através de confirmação diária, seja digital ou pessoalmente, de que nossa mensagem está sendo levada adiante,” concluem.

Prepare-se para mergulhar na densidade e intensidade de “Distopia”, um lançamento que promete marcar um novo capítulo na trajetória da Baru Baru.



COMPARTILHE


NOTÍCIAS RELACIONADAS