SUPERBANNER BONÉ RS

Andreas Kisser diz que “seria ótimo” ter Max e Iggor Cavalera em show final do Sepultura

Redação 89

Andreas Kisser diz que “seria ótimo” ter Max e Iggor Cavalera em show final do Sepultura Imagem: Reprodução / Facebook

Uma reunião da formação clássica do Sepultura nunca esteve tão perto. Pelo menos é o que indicam declarações recentes de Andreas Kisser e Max Cavalera. Em uma nova entrevista à revista britânica Metal Hammer, Andreas foi questionado sobre a possibilidade de se reunir com os irmãos Max e Iggor Cavalera para um show final na turnê de despedida da banda.

Ele respondeu: “Não vou negar que seria ótimo ter um último show com a participação deles, mas tem que ser ótimo. Tem que ter pessoas que estão ali para comemorar e não tentando discutir quem estava certo ou errado em decisões do passado. Enfim, estamos comemorando agora como o Sepultura de hoje. Se eles quiserem fazer parte disso, seria incrível” (via Blabbermouth).

Os comentários de Andreas surgem menos de duas semanas depois de Max ter sido questionado pelo jornalista Sakis Fragos, da Rock Hard Greece, se toparia participar de um show final do lendário grupo. O músico respondeu que não foi procurado para algo do gênero e comentou: “Acho que vou deixar as coisas acontecerem do jeito que vão acontecer. Não vou forçar nada, e se chegar um momento em que sentimos que devemos fazer um reencontro, ok, tudo bem, desde que façamos da maneira certa. Assim como nessas regravações [dos primeiros álbuns do Sepultura que ele e Igor fizeram recentemente]. Acho que os fizemos do jeito certo – honestos, corretos, de coração”.

O apelo dos fãs do Sepultura também podem pesar nesse encontro da formação clássica da banda. Embora tenha criado sua conta no Instagram há pouco tempo, Max deixou claro numa entrevista ao site finlandês Chaoszine que sempre deu muita atenção aos comentários feitos por fãs: “Eu sempre fiz isso – mesmo lá atrás, nos tempos do Sepultura, antes da internet. Eu lia críticas ruins para que eu ficasse realmente chateado e tivesse um bom show. Então agora eu meio que faço o mesmo. Eu falo para ela [Glória, sua esposa e empresária] assim: ‘Me mostre algumas pessoas falando m*rda’. Então ela me dá o telefone e tem toda essa gente falando m*rda. Eu leio, subo no palco e boto pra f*der. [Risos] É munição. É jogar gasolina no fogo”. Bem, se os comentários nas redes sociais podem ser uma espécie de combustível, será que poderemos pensar numa apresentação da formação clássica do Sepultura memorável?

O Sepultura iniciou em 1º de março, na Arena Hall, em Belo Horizonte, a sua turnê de despedida que prevê shows até o final do ano que vem, passando pelos principais palcos do Brasil e do mundo. Portanto, ainda há tempo para um evento final e grandioso na história da lendária banda de metal.



COMPARTILHE


NOTÍCIAS RELACIONADAS