Promoção - TEMOS VAGAS 2024 | Lollapalooza

Brian May defende fãs que gravam trechos de shows e publicam nas rede sociais

Redação 89

Brian May defende fãs que gravam trechos de shows e publicam nas rede sociais imagem divulgação

Brian May, guitarrista do Queen, utilizou seu site oficial nesta segunda-feira (18) para informar aos fãs que ele e a banda não estão por trás de uma ação de direitos autorais que está removendo vídeos publicados por fãs no YouTube e em outras plataformas.

May compartilhou uma captura de tela de uma mensagem de uma fã do Queen que supostamente afirma ter recebido uma “advertência” sobre os vídeos que postou na rede. Ela escreveu: “Olá pessoal, parece que a Universal e o YouTube estão contatando todos que postam vídeos de shows do Queen e Adam [Lambert]. Recebi uma advertência e apaguei a maioria dos meus vídeos de shows. Se você receber várias, poderá perder seu canal. Tomem cuidado!”.

Em sua resposta, May afirma: “Observo isso há alguns dias e estou muito preocupado. Pedi à nossa gerência que investigue e tente descobrir se há alguma razão para o Instagram [e o YouTube] e a Universal de repente se tornarem tão draconianos. A decisão de tirar esses vídeos do ar certamente não partiu de nós, a banda. Espero que tenhamos uma resposta em breve. Enquanto isso, tenham cuidado extra e sinto muito que vocês, boas pessoas com boas intenções, tenham passado por isso”.

A Blabbermouth.Net explica que quando as pessoas gravam um vídeo de um show, podem não conseguir publicá-lo on-line porque os artistas têm a opção de não permitirem que gravações não autorizadas de suas performances ao vivo sejam compartilhadas. No entanto, na grande maioria dos casos nenhuma questão é levantada, já que os músicos não querem se indispor com seus próprios fãs que pagam para vê-los. Desde 2007, o YouTube fornece um programa que permite que os proprietários de direitos autorais monitorem esses vídeos musicais feitos por fãs, possibilitando que uma gravadora, por exemplo, insira anúncios ou links nessas publicações.



COMPARTILHE


NOTÍCIAS RELACIONADAS