SUPERBANNER BONÉ RS

Conheça os skatistas que disputarão em São Paulo a final da Liga Mundial de Street Skate

Redação 89

Conheça os skatistas que disputarão em São Paulo a final da Liga Mundial de Street Skate imagem divulgação

A Street League Skateboarding (SLS) anunciou a lista de atletas que disputarão o SLS Super Crown World Championship apresentado pela BB Seguros, que ocorrerá nos dias 2 e 3 de dezembro, no Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo. Entre eles estão 11 brasileiros, três no feminino e oito no masculino. O evento é promovido pela 213 Sports, com realização da AEESB – Associação Educacional Esportiva e Social do Brasil – e homologado pela CBSk (Confederação Brasileira de Skateboarding).

Entre os homens, estão confirmados o atual campeão Gustavo Ribeiro (Portugal), o maior vencedor da história da SLS Nyjah Huston (EUA), e os brasileiros Kelvin Hoefler (medalhista olímpico), Felipe Gustavo (vencedor da etapa de Sydney), Filipe Mota, Carlos Ribeiro, Luan Oliveira, Lucas Rabelo, Giovanni Vianna e Gabryel Aguilar, que conquistou a vaga no SLS Select Series Saquarema 2023 apresentado pela BB Seguros.

Completam, ainda, a disputa masculina Braden Hoban, Chris Joslin, Yuto Horigome, Torey Pudwill, Dashawn Jordan, Shane O’Neil, Aurelien Giraud, Manny Santiago, Ryan Decenzo, Alec Majerus, Jamie Foy, Vicent Milou, Daiki Ikeda, Kairi Netsuke, Maurio McCoy, Shay Sandiford, Dominick Walker, Tommy Fynn, Jhancarlos Gonzales e Trent McClung.

Na categoria feminina, destaque para a brasileira Rayssa Leal, que busca o bicampeonato mundial “em casa”, após a conquista do SLS Super Crown World Championship 2022, no Rio de Janeiro. Pâmela Rosa e Isabelly Ávila, que conquistou a vaga no SLS Select Series Saquarema 2023 apresentado pela BB Seguros, são as três brasileiras na disputa. Completam o certame feminino as japonesas Funa Nakayama, Momiji Nishiya, Yumeka Oda e Aoi Uemura, as holandesas Roos Zwetsloot e Keet Oldenbeuving, as americanas Paige Heyn e Mariah Duran, além da australiana e uma das favoritas ao título, Chloe Covell.

“Eu fico sempre muito feliz de competir no Brasil, ainda mais numa etapa tão especial quanto o Super Crown! Espero que a arena esteja cheia, com muita gente torcendo por nós”, afirmou Rayssa Leal.

O caminho para o Super Crown

O SLS Championship Tour teve sua primeira etapa de 2023 em Chicago (EUA). Realizada em abril, a disputa consagrou a maranhense Rayssa Leal e o paulista Kelvin Hoefler como os primeiros vencedores da temporada. Em agosto, a SLS realizou sua primeira etapa no Japão. O SLS Tokyo consagrou a australiana Chloe Covell e o atleta da casa Yuto Horigome como vencedores.

Em outubro, a foi à Austrália para a penúltima etapa do ano. Disputando em casa, Chloe Covell garantiu sua segunda vitória do ano e colocou seu nome como uma das favoritas para a conquista do Super Crown. A etapa marcou, ainda, a vitória inédita do brasiliense Felipe Gustavo, um dos skatistas mais respeitados da SLS e que vem ao Brasil em busca do seu primeiro título mundial.

Em São Paulo, a disputa pelo título mais importante do street skate do ano começa no sábado, 2 de dezembro, com os Knockout Rounds (baterias eliminatórias). Entre as mulheres, as disputas serão realizadas em dois grupos de seis skatistas cada. As três melhores de cada grupo avançam para a Final, disputada no domingo, dia 3. Já entre os homens, serão cinco grupos de seis skatistas, com os vencedores de cada grupo e o melhor segundo colocado avançando para a Final, que será disputada no domingo.

A disputa pelo Super Crown feminino começa às 10h30 do domingo, com transmissão ao vivo no Esporte Espetacular (Globo). Mais tarde, às 14h30, será a vez dos homens se enfrentarem pelo título mais importante do ano. A transmissão será ao vivo pelo SporTV ou pelo canal oficial da Street League Skateboarding no Rumble.

Em ambas as etapas (Knockout Rounds e Finals), os skatistas terão duas voltas de 45 segundos e cinco oportunidades de manobras individuais. A nota final dos atletas será a soma das quatro maiores notas, podendo ser composta de uma volta e três manobras individuais, ou quatro manobras individuais, com pontuação máxima de 40 pontos.

Para mais informações sobre o SLS Super Crown World Championship, acesse www.streetleague.com.



COMPARTILHE


NOTÍCIAS RELACIONADAS