SUPERBANNER BONÉ RS

The Lumineers proporcionam noite inesquecível no Espaço Unimed

Redação 89

The Lumineers proporcionam noite inesquecível no Espaço Unimed Foto: Anderson Carvalho

Por Leandro Alsaro e Gabriel Alegreti

O aguardado show do The Lumineers começou pontualmente neste domingo (05)  às 21h, no Espaço Unimed, e a energia que permeou o ambiente foi incrível desde o primeiro acorde. O vocalista, Wesley Schultz, em um momento emocionante, revelou que essa era a primeira vez que a banda estava no Brasil em 9 anos; a última vez havia sido no Popload Festival de 2014, o que aumentou ainda mais a expectativa da plateia.

O som folk rock do The Lumineers rapidamente contagiou o público, e logo no início, eles presentearam a plateia com seu maior sucesso, “Ho Hey”. Foi uma jogada ousada, mostrando suas melhores cartas logo de cara, mas a reação do público foi incrível, e não demorou muito para a música “Where We Are”. Nesse momento, Schultz fez um emocionante relato sobre um acidente de carro que sofreu, e a plateia ficou totalmente em silêncio, atenta ao relato. Ao fim da execução da música, a banda arrebatou o público, que parecia empolgado com o que mais a noite reservava.

O clima do show ficou ainda mais íntimo quando a banda tocou “Slow It Dow” e Schultz desceu na pista para celebrar com a plateia durante “Brightside,” a faixa-título do álbum mais recente dos norte-americanos. Também do mais recente disco apareceu “Am Radio”. O público enlouqueceu com a performance de “Ophelia” e era impressionante ver o amor mútuo entre a banda e seus fãs.

A sinergia entre The Lumineers e público foi implacável, algo semelhante a uma cumplicidade duradoura. Para surpresa de todos, eles emendaram “Can’t Always Get” dos Stones, e a conexão entre o público e a banda só aumentou.

No final, a banda nos brindou com músicas menos conhecidas, mas igualmente bem recebidas. A notável dinâmica do som incluiu várias trocas de instrumentos, mostrando a versatilidade dos músicos. O vocalista mencionou que era como se o público estivesse no palco com eles, criando uma atmosfera verdadeiramente especial.

O encerramento do show foi apoteótico, deixando uma impressão duradoura em todos os presentes. O The Lumineers ainda tinha uma carta na manga, encerrando a noite com “Stubborn Love.” Foi uma noite inesquecível, marcada pela paixão da banda e pelo carinho do público, solidificando a presença do The Lumineers como uma das bandas mais cativantes e emocionantes da atualidade. Tamanho foi o carinho que logo após o show terminar, os integrantes desceram do palco, deram autógrafos e distribuíram palhetas e setlists. Esse show foi um daqueles que te faz voltar em paz para casa, num domingo à noite, após tanto caos em São Paulo.



COMPARTILHE


NOTÍCIAS RELACIONADAS