SUPERBANNER BONÉ RS

Chris Slade, ex-AC/DC, sugere que novo baterista da banda será apenas coadjuvante

Redação 89

Chris Slade, ex-AC/DC, sugere que novo baterista da banda será apenas coadjuvante imagem divulgação

Chris Slade, experiente baterista que teve duas passagens pelo AC/DC, de 1989 a 1994 e de 2015 a 2016, manifestou-se neste domingo (10) sobre a presença de Matt Laug na banda. O batera, que já realizou trabalhos com Slash, Alice Cooper e Alanis Morissette, foi citado pelo grupo californiano em um vídeo de ensaio para o Power Trip, evento no qual a banda retornará aos palcos após sete anos (AQUI).

Slade não foi chamado para as gravações do mais recente álbum do AC/DC, Power Up, de 2020, que teve toda a bateria registrada por Phil Rudd, integrante da formação clássica. Como Rudd tem problemas com a justiça, está impedido de entrar nos Estados Unidos, será substituído por Matt. Mais uma vez Slade foi deixado de lado.

“Conheço Matt desde os meus tempos na Califórnia, é um cara legal”, escreveu Chris em suas redes sociais. No entanto, deixou claro que o novo baterista será apenas um coadjuvante no grupo: “Ele é um baterista muito capaz e vai posicionar a bateria exatamente onde Angus [Young, guitarrista do AC/DC] quer… No fundo do palco. Desejo-lhe boa sorte!”.

A formação do AC/DC para o show de retorno, que ocorrerá em 7 de outubro, em Indio, na Califórnia, contará ainda com o sobrinho do guitarrista Angus Young, Stevie, substituindo o saudoso Malcolm, e o baixista Cliff Williams, que está voltando da aposentadoria. A apresentação também marcará a volta do vocalista Brian Johnson, que em 2016 foi aconselhado pelos médicos a se afastar de performances ao vivo no meio da turnê “Rock or Bust”, devido a danos auditivos – ele foi substituído nas datas restantes da turnê por Axl Rose.



COMPARTILHE


NOTÍCIAS RELACIONADAS