SUPERBANNER BONÉ RS

John Lydon (Sex Pistols) revela ter bebido por três meses sem parar após morte de sua esposa

Redação 89

John Lydon (Sex Pistols) revela ter bebido por três meses sem parar após morte de sua esposa imagem divulgação

John Lydon, vocalista do Sex Pistols, conversou com XS Noize Podcast e abriu o jogo dizendo que não vinha lidando bem com a perda de sua esposa, a produtora alemã Nora Forster, que faleceu em abril deste ano, aos 80 anos de idade, vítima de Alzheimer.

O lendário músico punk britânico admitiu ter bebido por três meses seguidos após a morte de Nora e, agora, anda buscando mudar seu comportamento. “Estou ficando em forma. Houve um período de três meses de beber sem parar. Não ajudou a afastar a tristeza e, então, parei”, revelou (via Daily Star).

Ele descreveu a experiência como “um inferno”, acrescentando que Nora ficaria revoltada ao vê-lo “chorando em cima de uma garrafa de uísque”.

Lydon, de 67 anos, deixou sua carreira na música nos últimos dois anos para se tornar um cuidador em tempo integral de Nora depois que ela foi diagnosticada com a doença em 2021.

Apesar disso, o cantor admitiu que adorava cuidar de sua esposa enquanto ela lutava contra a doença, dizendo: “Foi a coisa mais divertida que já fizemos juntos e isso a manteve alerta”.

Ele ainda acrescentou que o luto inicial foi “muito mais difícil” do que pensava, já que lidou com a perda depois de ficarem juntos por quase cinco décadas.

John Lydon Nora Forster se casaram em 1979, com Lydon se tornando padrasto da filha de Nora, a cantora Ari Up, apenas seis anos mais nova que ele.

No início do ano, Lydon lançou uma música chamada “Hawaii” que é uma carta de amor à esposa: “É dedicada a todos que passam por momentos difíceis na jornada da vida, com a pessoa que mais gostam. É também uma mensagem de esperança que, em última análise, o amor conquista tudo”, diz o cantor. Confira abaixo:



COMPARTILHE


NOTÍCIAS RELACIONADAS