SUPERBANNER BONÉ RS

Álbum de estreia do Yeah Yeah Yeahs completa 20 anos

Redação 89

Álbum de estreia do Yeah Yeah Yeahs completa 20 anos imagem divulgação

Há 20 anos cravados, em 29 de abril de 2003, chegava ao mercado Fever to Tell, álbum de estreia da banda novaiorquina de indie rock Yeah Yeah Yeahs.

Lançado via Interscope Records, esse disco foi produzido por David Andrew Sitek, guitarrista e tecladista do TV On The Radio. Curiosamente, Sitek conheceu a vocalista Karen O e o guitarrista Nick Zinner numa loja de roupas do Brooklyn e passou a trocar ideias sobre música com eles. Esse bate-papo virou uma amizade e pouco tempo depois Sitek começou a gerenciar o grupo, que ficou conhecido como Yeah Yeah Yeahs.

Quando Fever to Tell foi lançado, a banda já tinha uma ótima reputação alcançada com seus dois EPs, o primeiro autointitulado e o segundo chamado Machine, que haviam inserido a banda no circuito underground de shows dos Estados Unidos.

O álbum de estreia do  Yeah Yeah Yeahs foi um sucesso crítico e comercial, gerando uma base global de fãs e vendendo um milhão de cópias. Quatro singles foram lançados, sendo o primeiro “Date with the Night”, seguido por “Pin”, “Maps” e “Y Control”.

Embora Fever to Tell seja um marco do indie rock do início dos anos 2000, ele deixou os críticos especializados da época confusos e acabou ganhando diversos rótulos, como “art-punk,  “dance punk” e “garage rock revival”, além das comparações que iam de Siouxsie and the Banshees a Led Zeppelin.

Este brilhante disco de estreia do  Yeah Yeah Yeahs foi nomeado para um Grammy Award de Melhor Álbum de Música Alternativa e foi certificado ouro nos Estados Unidos e no Reino Unido. O New York Times escolheu Fever to Tell como o melhor álbum de 2003. O vídeo de “Maps” recebeu indicações para Melhor Direção de Arte, Melhor Fotografia, Melhor Edição, e o MTV2 Award no MTV Video Music Awards de 2004.

Abaixo você tem a versão delux remasterizada de Fever to Tell:



COMPARTILHE


NOTÍCIAS RELACIONADAS