Como Ajudar
SUPERBANNER BONÉ RS

Pesquisa diz que 50% dos compradores de vinil não têm toca-discos

Redação 89

Pesquisa diz que 50% dos compradores de vinil não têm toca-discos Imagem via Pexel (Ivan Boban)

Você sabe que as vendas de discos de vinil dispararam nos últimos anos e é cada vez maior o número de novos lançamentos musicais que apostam no formato. Mas, sabia que nem todo mundo que compra um vinil tem um toca-discos? Foi o que apontou uma nova pesquisa da empresa de dados de vendas de música Luminate.

No recente relatório da empresa intitulado “Top Entertainment Trends for 2023”, os dados mostram que 50% dos consumidores que compraram vinil nos últimos 12 meses possuem um toca-discos, o que significa que os outros 50% dos consumidores que levaram um desses discos pra casa não têm como ouvi-los.

Segundo o Music Business Worldwide, esta não é a primeira vez que os pesquisadores de mercado notaram uma desconexão distinta entre as compras de discos de vinil e a falta de um aparelho para tocá-los.

Em uma pesquisa de 2016, a ICM descobriu que 41% dos compradores de vinil possuíam um toca-discos, mas não o usavam, enquanto outros 7% disseram que não tinham um toca-discos em casa.

Isso leva a crer que os discos passaram a ser mais um objeto colecionável do que um produto destinado à audição, embora sua qualidade sonora seja melhor do que de outras mídias.

Em uma entrevista de 2020 ao The Times, Rob Crutchley, do grupo britânico da indústria de comércio de música BPI, disse que os “superfãs” estavam alimentando a “cultura de comprar para possuir em vez de comprar para ouvir”. Ele explicou: “Muitas pessoas estão comprando vinil porque são superfãs, então mesmo que não tenham um toca-discos, eles querem apoiar o artista e ter o artefato em si”.



COMPARTILHE


NOTÍCIAS RELACIONADAS