Como Ajudar
Especial U2

AC/DC: Brian Johnson diz que adoraria fazer mais músicas com a banda

Redação 89

AC/DC: Brian Johnson diz que adoraria fazer mais músicas com a banda imagem divulgação

Os fãs do AC/DC em todo mundo já podem começar a sonhar com um novo trabalho de estúdio da banda. É que se depender do vocalista, um novo álbum pode surgir por aí. Em uma nova entrevista à Billboard, Brian Johnson declarou: “Eu adoraria fazer mais músicas com o AC/DC”.

Johnson diz no bate-papo que a banda é sua “entidade de trabalho”, mas apesar de se mostrar disponível para trabalhar em novos materiais com seus companheiros, não revelou se há algum um plano futuro. Já ouvi esse termo ‘No Dia de São Nunca’ um milhão de vezes com as pessoas dizendo: ‘Não vou fazer isso de novo’. Mas eu estaria disposto. Acho que todos esperam fazer mais músicas”.

Brian Johnson está atualmente promovendo The Lives Of Brian, chega ao mercado neste mês de outubro via Penguin Books, um ano depois do planejado, e foi questionado pela Billboard por que o livro de memórias aborda tão pouco de seu tempo com o AC/DC.

Ele respondeu: “Eu não queria escrever um livro sobre o AC/DC, porque esse não é o meu livro. Nunca será. Não é minha história para contar. Esse livro [sobre o AC/DC] seria dos meninos, ou quem estava lá desde o início… quando Malcolm [Young] e Angus [Young] tiveram uma reunião e disseram: ‘Certo, vamos fazer isso’ e pegaram um baterista e um vocalista”.

Quando Johnson entrou para o AC/DC – em 1980 – a banda já era uma das maiores do universo do rock, mas vivia uma crise após a trágica morte de seu vocalista, Bon Scott. Falando ao jornal britânico The Independent, Brian recordou a primeira vez que conheceu o grupo, quando ele fez seu teste em um estúdio em Londres. Como chegou atrasado para a audição, ficou muito nervoso, mas rapidamente foi surpreendido pela recepção do guitarrista Malcolm Young. “Eu abri a porta e disse: ‘Olá rapazes, eu sou Brian de Newcastle – desculpe por ter me atrasado um pouco!’ E Malcolm disse: ‘Aí está você!’. E ele veio e me deu uma garrafa de cerveja escura, que ajudou a acalmar meus nervos”.

O novo vocalista foi bem recebido, gravou um disco em homenagem ao seu antecessor e transformou o grupo num dos poucos a triunfar sem o seu frontman original. Esse primeiro trabalho registrado por Brian Johnson com o AC/DC chama-se Back in Black, foi lançado em 25 de julho de 1980 e é o álbum de rock mais vendido de todos os tempos e o segundo mais vendido da história da música, ficando atrás apenas de Thriller, de Michael Jackson.

 



COMPARTILHE


NOTÍCIAS RELACIONADAS