Como Ajudar
SUPERBANNER BONÉ RS

Eddie Vedder expulsa fã de show do Pearl Jam por praticar ação violenta

Redação 89

Eddie Vedder expulsa fã de show do Pearl Jam por praticar ação violenta imagem divulgação

Eddie Vedder, vocalista do Pearl Jam, expulsou uma fã durante um show recente da banda devido ao fato dela praticar violência. O cantor interrompeu a apresentação da música “Animal” em show realizado em Zurique, na Suíça, no dia 23 de junho, para encerrar um ato de violência que ocorria bem em sua frente.

Em vídeo do show compartilhado no YouTube neste fim de semana, Vedder testemunha uma mulher acertando a cabeça de um homem, após ter se irritado com ele filmando o show.

“Acenda as luzes, por favor. Ei, ei, ei, ei, ei, ei! Eu vi tudo o que ocorreu, eu sei, foi irritante. Você ficou chateada porque ele estava filmando o tempo todo… mas você não pode bater na nuca dele, mesmo que você seja uma mulher. Entendo que você pode ser forte. Mas pare de bater nele, caia fora daqui. Violência não é permitida. Sinto muito senhora, não é permitido violência. Você poderia ter acenado para mim, eu estava olhando para você. Desculpe por isso, não é legal, não estamos batendo nas pessoas aqui. Desculpe”, disse o cantor.

Conforme relata o Loudwire.Com, que compartilhou o vídeo, essa não é a primeira vez que Vedder expulsa um fã de um show. Há seis anos, ele também parou um concerto do Pearl Jam e pediu que seguranças retirassem um indivíduo da plateia por conta de sua hostilidade. O site ressalta que a cautela de Vedder em relação à violência em apresentações ao vivo se deva aos nove fãs que morreram durante a apresentação do Pearl Jam no Roskilde Festival de 2000, na Dinamarca. Na ocasião, a tragédia teria feito a banda considerar encerrar suas atividades.



COMPARTILHE


NOTÍCIAS RELACIONADAS