Como Ajudar
Especial U2

Taylor Hawkins estava desconfortável com agenda de shows do Foo Fighters, diz revista

Redação 89

Taylor Hawkins estava desconfortável com agenda de shows do Foo Fighters, diz revista imagem divulgação

Amigos de Taylor Hawkins, falecido baterista do Foo Fighters, alegaram que ele estava desconfortável com a intensidade da agenda de shows que a banda vinha cumprindo, após a reabertura das apresentações ao vivo. As afirmações estão em um relatório publicado nesta segunda-feira (16) pela revista americana Rolling Stone.

A publicação traz várias declarações de amigos próximos de Hawkins que teriam ouvido do músico que ele não estava se sentindo bem com a intensidade de shows da banda. “Ele estava lutando para acompanhar as exigências físicas do trabalho, o que muitas vezes implicava que tocasse três horas noite após noite”, diz o um trecho do texto.

O relatório alega que antes do retorno dos concertos ao vivo do Foo Fighters, que começou em junho passado com shows somente para vacinados, em Los Angeles e Nova York, “Hawkins se sentiu hesitante em voltar à estrada e não tinha certeza se seria capaz de permanecer como membro em tempo integral se a turnê seguisse nesse ritmo”.

A Rolling Stone disse que pediu repetidamente aos familiares de Hawkins e seus colegas de banda para que concedessem entrevistas para corroborar as alegações, mas todos os pedidos foram negados.

Taylor Hawkin, que tinha 50 anos, foi encontrado morto em seu quarto de hotel em Bogotá, na Colômbia, em 25 de março, antes de um show do Foo Fighters que aconteceria naquela noite.



COMPARTILHE


NOTÍCIAS RELACIONADAS