Como Ajudar
Especial U2

Morre aos 50 anos Taylor Hawkins, baterista do Foo Fighters

Redação 89

Morre aos 50 anos Taylor Hawkins, baterista do Foo Fighters imagem divulgação

Taylor Hawkins, baterista do Foo Fighters, morreu aos 50 anos, segundo informou a banda em post publicado em suas redes sociais na madrugada deste sábado (26), sem divulgar a causa da morte.

A imprensa da Colômbia, onde a banda tocaria nesta sexta-feira, informou que Hawkins foi encontrado sem vida num hotel em Bogotá onde o grupo se hospedava. A polícia isolou o local e investiga a morte

Em um comunicado divulgado nas redes sociais, o Foo Fighters diz: “A família Foo Fighters está devastada pela trágica e prematura perda de nosso amado Taylor Hawkins. Seu espírito musical e seu riso contagiante viverão com todos nós para sempre. Nossos sentimentos para sua esposa, filhos e família, e pedimos que sua privacidade seja tratada com o maior respeito neste momento inimaginavelmente difícil”.

Hawkins juntou-se ao Foo Fighters depois que a banda completou seu álbum de 1997 The Colour and the Shape e vinha se mantido como integrante desde então. Antes disso, Hawkins havia tocado bateria para Alanis Morissette em seu álbum de Jagged Little Pill e acompanhou a cantora em grandes turnês. Além de marcar presença em todos os discos do Foo Fighters, desde que se tornou membro, ele também participou do o filme Terror no Estúdio 666, recentemente lançado pelo grupo.

Fora do Foo Fighters, Hawkins mantinha um projeto solo desde 2006, Taylor Hawkins and the Coattail Riders, que lançou em 2019 um disco bastante elogiado pela crítica, Get the Money em 2019.

Taylor Hawkins foi introduzido junto com o Foo Fighters no Hall da Fama do Rock and Roll por Paul McCartney no ano passado. Fica aqui os nossos sentimentos.



COMPARTILHE


NOTÍCIAS RELACIONADAS