Foo Fighters: bilheteria de show no Madison Square Garden rende cerca de 7 milhões de reais

Redação 89

Foo Fighters: bilheteria de show no Madison Square Garden rende cerca de 7 milhões de reais imagem divulgação

Os caras do Foo Fighters encheram o bolso de dinheiro com seu show que reabriu no último domingo (20) o Madison Square Garden, em Nova York, que representou o primeiro concerto com capacidade máxima da tradicional casa de espetáculos desde o início da pandemia.

A banda vendeu 15.371 ingressos, gerando uma receita bruta de mais de US$ 1,4 milhão (cerca de R$ 6,9 milhões) em sua apresentação, de acordo com dados divulgados pela Billboard Boxscore.

“Capacidade total é algo que ocorre de arena para arena e de show para show, mas não há como debater o status do Foo Fighters. Em 662 shows relatados desde 2015, o limite médio da MSG é de 15.140, algumas centenas de lugares a menos que o show de domingo”, diz o site da Billboard.

Antes da apresentação, acabou rolando muita polêmica por conta da exigência de um comprovante de vacinação contra a convid-19 por parte do público. Muitos acusaram a banda de discriminação e cartazes foram erguido no show como forma de protesto. No entanto, as autoridades americanas ressaltam que seu protocolo sanitário indica que para realizar, neste momento, eventos em larga escala é necessário que todas as pessoas presentes estejam vacinadas.

Veja como foi a apresentação do Foo Fighters no Madison Square Garden AQUI.



COMPARTILHE


NOTÍCIAS RELACIONADAS