Mike Shinoda defende que computador deve ser considerado instrumento musical

Redação 89

Mike Shinoda defende que computador deve ser considerado instrumento musical imagem divulgação

Mike Shinoda, rapper e vocalista do Linkin Park, participou na semana passada de um bate-papo com fãs promovido pela rádio ALT 98.7 FM de Los Angeles, nos Estados Unidos (AQUI). Questionado sobre se o computador pode ser considerado um instrumento musical, o músico respondeu de forma afirmativa.

“Em primeiro lugar, o teclado é um instrumento? A maioria das pessoas diria que sim. O teclado é apenas uma interface MIDI, série de receptores de entrada MIDI que alimentam informações para um computador interno”, explicou, acrescentando: “Então não há realmente nenhuma diferença, teoricamente, entre pressionar notas em um teclado ou tocar uma bateria digital, ou qualquer coisa que faça barulho pelo seu computador”.

O músico concluiu: “Além disso, desde o início da nossa banda, eu realmente tratei Pro Tools ou Ableton [programas de edição de áudio] como um instrumento onde você pode editar e realmente fazer novos sons a partir desse áudio”.

Sempre ligado nas novidades tecnológicas, Mike Shinoda é um dos músicos mais bem-sucedidos na plataforma Twitch e se tornou recentemente o primeiro grande artista a lançar um single via leilão de NFT. Uma impressão original da obra de arte única do single “Happy Ending” assinada por Shinoda e pelo artista Cain Caser teve os lucros revertidos para ArtCenter College of Design (AQUI).



COMPARTILHE


NOTÍCIAS RELACIONADAS