Promoção - TEMOS VAGAS 2024 | Lollapalooza

Led Zeppelin: Suprema Corte dos EUA se nega a intervir em processo sobre plágio de “Stairway To Heaven”

Redação 89

Led Zeppelin: Suprema Corte dos EUA se nega a intervir em processo sobre plágio de “Stairway To Heaven” imagem divulgação

Em março deste ano, o Led Zeppelin obteve uma grande vitória no processo de direitos autorais do clássico “Stairway To Heaven”, de 1971. Mas em agosto, a propriedade de Randy “California” Wolfe – que acusa o Led de plágio – apresentou uma ação que pede à Suprema Corte dos EUA para derrubar a decisão do Tribunal de Apelações que confirmou um veredicto anterior do júri de 2016.

Conforme informa na tarde desta segunda-feira (05) a Blabbermouth.Net, a repórter da Bloomberg, Kimberly Robinson, tuitou que a Suprema Corte recusou-se a ouvir a disputa de direitos autorais sobre esse clássico do rock.

A guerra sobre a autenticidade de “Stairway To Heaven” gira em torno de que a famosa banda teria roubado os acordes iniciais de “Taurus”, canção de 1967 escrita por Randy Wolfe, do grupo Spirit. Francis Malofiy, um advogado da Filadélfia, foi quem entrou no ano passado com pedido de um novo julgamentos sobre o caso de plágio da icônica canção.

O argumento era baseado num suposto “abuso de discrição” no julgamento de 2016, quando o juiz recusou-se a permitir que Malofiy tocasse uma gravação de “Taurus” para o júri.

Mesmo com novos testemunhos e a execução considerada pelo advogado como original, o Tribunal manteve a decisão anterior. Estima-se que “Stairway To Heaven” tenha gerado uma receita de US $ 500 milhões em vendas e royalties desde seu lançamento em 1971.

Confira nos players abaixo as duas músicas e tente achar a semelhança ente elas:



COMPARTILHE


NOTÍCIAS RELACIONADAS