Bandas como Pearl Jam e Guns N’ Roses obtém empréstimos para pagar equipes de turnês

Redação 89

Bandas como Pearl Jam e Guns N’ Roses obtém empréstimos para pagar equipes de turnês imagem divulgação

Para ajudar a indústria do entretenimento a enfrentar a crise causada pela pandemia de COVID-19, o governo dos Estados Unidos criou um programa chamado “Paycheck Protection” que começa a ser utilizado por grandes nomes do rock, como Pearl Jam e Guns N’ Roses.

Conhecido como PPP, esse programa libera empréstimos para ajudar as bandas a pagarem suas equipes que dão suporte às turnês. Segundo apurou a Rolling Stone, pelo menos 40 grupos musicais já foram beneficiados. Cheap Trick, Weezer, Green Day e Tool receberam entre US $ 150.000 e US $ 350.000. A revista observa que Eagles e Pearl Jam estão entre os que obtiveram os maiores empréstimos, entre US$ 350 mil e US$ 1 milhão.

A Rolling Stone enfatiza que os empréstimos não foram concedidos aos artistas, mas sim às suas empresas de turnê, acrescentando que o dinheiro do Eagles, por exemplo, ajudará 50 pessoas neste momento difícil. A banda estava no meio de uma turnê onde apresentavam o álbum Hotel California na íntegra ao lado de uma orquestra, quando a pandemia forçou o cancelamento de 12 grandes concertos.

O programa de ajuda ao entretenimento nos Estados Unidos foi criado como parte da “Lei Coronavírus” de US$ 2,2 trilhões, aprovada em março, para ajudar aqueles que foram economicamente afetados pela pandemia. A Rolling Stone destaca ainda que na última segunda-feira (06) o governo britânico anunciou a liberação de US $ 2 bilhões para empresas relacionadas ao entretenimento.



COMPARTILHE


NOTÍCIAS RELACIONADAS