Álbum “October”, que quase foi o último do U2, completa 38 anos

Redação 89

Álbum “October”, que quase foi o último do U2, completa 38 anos imagem divulgação

Há exatos 38 anos, em 12 de outubro de 1981, o U2 lançava seu segundo trabalho de estúdio, October. As faixas que integram esse álbum são fruto de um período pós-turnê do disco de estreia, Boy, que levou o grupo às paradas de sucesso. A exposição pública vinda dessa boa fase inicial fez com que os integrantes da banda passassem a refletir bastante sobre a fama, algo que os levou a investir em temas espirituais e religiosos.

As principais sessões de gravação do álbum rolaram no Windmill Lane Studios de Dublin e foram produzidas pelo inglês Steve Lillywhite, mesmo profissional que assinou o trabalho de estreia do U2. Inclusive, Lillywhite chegou a descrever essas gravações  como “caóticas”, porque a Bono perdeu uma pasta contendo ideias e letras que seriam usadas no disco, forçando a banda a praticamente improvisar no estúdio e mostrar toda sua capacidade de criação.

Os singles “Fire” e “Gloria” antecederam o lançamento do álbum e marcaram um momento importante na história do U2 em relação à visão de mercado do grupo. Para a promoção da segunda música, que foi lançada uma semana antes da chegada de October, o U2 gravou um videoclipe no Grande Canal de Dublin, totalmente pensado para entrar na programação da MTV, que acabava de estrear nos Estados Unidos e ajudaria numa maior visibilidade da banda.

No início do mês, numa entrevista ao podcast Cry Power with Hozier and Global Citizen, Bono relembrou o lançamento de October e revelou que aquele foi um momento decisivo para o U2. “Quase desistimos depois de gravar October, porque rolou uma crise de fé”, disse o cantor, acrescentando: “Houve um momento em que olhamos ao nosso redor e dissemos: ‘Este mundo está completamente em nossas mãos, mas não funciona'”. No entanto, Bono comentou que ele e seus colegas acabaram entendendo que possuíam algo valioso ao tentar responder a questão: “Como uma banda de rock pode contribuir para melhorar o mundo?”. A resposta veio quando o guitarrista The Edge começou a escrever “Sunday Bloody Sunday”, e a banda já se mostrava disposta a fechar repertório para o próximo trabalho, War, de 1983. Nessa entrevista, o vocalista do U2 também fez outra grande revelação: ele acha que ser uma celebridade é “um absurdo” e usa trabalhos de caridade para se manter fundamentado.

No player abaixo você tem a versão remasterizada (2008) do álbum October:



COMPARTILHE


NOTÍCIAS RELACIONADAS