Como Ajudar
SUPERBANNER BONÉ RS

Mark Hoppus admite que Blink-182 viveu seu melhor momento com Tom DeLonge

Redação 89

Mark Hoppus admite que Blink-182 viveu seu melhor momento com Tom DeLonge imagem divulgação

Mark Hoppus, baixista do Blink-182, admitiu numa nova entrevista publicada pela revista Vogue que a banda fez o seu melhor trabalho quando Tom DeLonge ainda era membro.

DeLonge se separou de Mark Hoppus e Travis Barker em 2015 e desde sua partida, o grupo californiano conta com Matt Skiba, líder do Alkaline Trio no lugar do antigo membro, e lançou os álbuns California e Nine.

Hoppus disse que sente um carinho especial pela era de Enema Of The State, terceiro disco de estúdio da banda e que completou 20 anos em 2019. “Havia uma verdadeira unidade de espírito. Quando Tom estava no grupo, foi quando o Blink-182 fez o seu melhor trabalho… Agora, após o Tom, com Matt na banda, estamos abordando as músicas de uma maneira diferente”, revelou.

Falando sobre o relacionamento deles após a separação, Hoppus acrescentou: “Conversei com o Tom pela primeira vez em dois anos, pouco antes de começarmos essa nossa nova turnê. A conversa era mais sobre nós apenas dizendo um ao outro: ‘Sem ressentimentos. Você faz o que faz, nós fazemos o que fazemos’. Está tudo bem entre a gente”.

DeLonge chegou a afirmar no início deste ano que uma reunião com seus ex-colegas de banda estaria em seu radar. “Sim pessoal, vou tocar com o Blink-182 novamente”, disse o vocalista. Respondendo a fãs no Twitter sobre o comentário do ex-colega de banda, Hoppus apenas se limitou a dizer que “não fala sobre isso agora”.



COMPARTILHE


NOTÍCIAS RELACIONADAS