Rush: Geddy Lee diz que sente falta de trabalhar com seus amigos de banda

Redação 89

Rush: Geddy Lee diz que sente falta de trabalhar com seus amigos de banda imagem divulgação

O fim do Rush foi um dos temas abordados pelo vocalista e baixista da banda, Geddy Lee em uma entrevista publicada nesta quinta-feira (11) pelo Tennessean.Com, site comandado pelo USA Today.

Questionado sobre o que mais sente falta sobre o processo de gravação e turnê com seus amigos de longa data, o músico abriu seu coração. “Certamente sinto falta de tocar com meus colegas de banda com quem me relacionei por mais de 40 anos, disse Lee. “Esses caras estiveram comigo por mais de 40 anos e fazer música com seus amigos é uma benção. É algo maravilhoso. E eu sinto falta disso”, acrescentou.

Essa falta de se relacionar profissionalmente com o guitarrista Alex Lifeson e o baterista Neil Peart, pode ser um indício de que poder pintar coisa nova por aí.  Embora Geddy Lee tenha dito diversas vezes que é improvável que o Rush venha a gravar material inédito com seus três integrantes, numa outra entrevista para o Toronto Sun, em maio deste ano, confirmou que tem se encontrado constantemente com os dois colegas de banda.

“Nós [ele e Alex] visitamos Neil [Peart] com bastante frequência”. Mas as visitas parecem não ter objetivos muscais. No entanto, quando o tema foi direcionado ao trabalho, surgiu uma novidade sobre novas projetos. “É bem possível que eu e o Alex façamos algo no futuro”, revelou.

Mas pelo jeito, os encontros musicais entre os dois deverão se limitar aos estúdios de gravação. “Estou relutante em deixar minha família novamente”, confessou Lee ao imaginar futuras apresentações ao vivo. “Então, para eu fazer outro projeto musical que envolva turnês etc., teria que ser algo que eu realmente gostasse muito. Não estou dizendo que não faria isso, mas eu teria que estar muito empolgado para que valesse a pena essa separação”, comentou.

O último álbum de estúdio do Rush é Clockwork Angels, lançado em 2012, e a derradeira show da banda aconteceu em 1º de agosto de 2015.  Segundo o baterista Neil Peart, aquela foi sua última apresentação.



NOTÍCIAS RELACIONADAS


COMPARTILHE