Membros do Pearl Jam podem sair em turnê com ícones do grunge

Redação 89

Membros do Pearl Jam podem sair em turnê com ícones do grunge imagem divulgação

A Sub Pop, tradicional gravadora independente de Seattle, acaba de anunciar o lançamento das reedições do EP “Dry As a Bone” (1987) e do LP “Rehab Doll” (1988) da icônica banda Green River para o dia 25 de junho de 2019.

O anúncio foi o suficiente para os fãs do Pearl Jam iniciarem os rumores sobre um possível retorno do grupo, que é uma das bases do gênero grunge. Mas isso se intensificou porque na página do Green River no site da gravadora há uma seção de agenda de shows. Mesmo estando vazia, gerou discussões entre os amantes do grunge sobre uma turnê de retorno dos caras.

O Green River foi formado em 1984 pelo vocalista/guitarrista Mark Arm, o guitarrista Steve Turner, o baterista Alex Vincent e o baixista Jeff Ament. O guitarrista Stone Gossard se juntou à banda mais tarde para permitir que Arm se dedicasse exclusivamente aos vocais. Os caras acabaram se dividindo no final dos anos 80 com Ament e Gossard formando o Mother Love Bone e mais tarde o Pearl Jam.

Em 2008 e 2009 o Green River esboçou uma reunião realizando shows esporádicos. Mas o retorno do grupo para os dias de hoje começa a ganhar corpo, já que no início deste ano Ament e Gossard fizeram uma performance de reunião do Mother Love Bone, enquanto que Mark Arm e Steve Turner, que são hoje do Mudhoney, se apresentaram em agosto com o Pearl Jam.

Nos players abaixo, a campanha de divulgação dos relançamentos do Green River e uma performance matadora da banda em 2008:



COMPARTILHE


NOTÍCIAS RELACIONADAS