Como Ajudar
SUPERBANNER BONÉ RS

Brad Wilk diz que é possível uma reunião do Rage Against The Machine

Redação 89

Brad Wilk diz que é possível uma reunião do Rage Against The Machine imagem divulgação

O baterista do Rage Against the Machine, Brad Wilk, declarou que estaria disposto a reunir o grupo californiano. Na visão dele, parece que todos os integrantes da banda estariam abertos para essa possibilidade.

Falando para o podcast Let There Be Talk, o músico comentou que para que o RATM volte a tocar é apenas uma questão de comunicação entre eles.

O baterista revelou que existe uma relação “amigável” entre ele, Zack de la Rocha, Tom Morello e Tim Commerford. De sua parte, garante muita disposição para um retorno: “Nada me faria mais feliz do que ser capaz de tocar agora mesmo com o Rage Against The Machine”.

Brad admitiu, no entanto, que isso só poderia acontecer com uma decisão conjunta. O que o motiva a pensar no sentido de uma volta do grupo é que ninguém deixou de trabalhar com música. “Vamos manter nossos dedos cruzados”, disse.

Formado em 1991, em Los Angeles, o Rage Against The Machine acabou se separando em 2000, logo após lançar seu quarto álbum de estúdio, “Renegades”, mas voltou para uma série de shows entre 2007 e 2011, num período em que os caras não produziram nenhum material novo. Uma dessas apresentações de seu retorno rolou aqui no Brasil, em 2010, no festival SWU. No player abaixo você relembra o clássico “Bombtrack”:



COMPARTILHE


NOTÍCIAS RELACIONADAS