“A melhor coisa do mundo são as duas horas que estou no palco”, diz Lars Ulrich

Redação 89

“A melhor coisa do mundo são as duas horas que estou no palco”, diz Lars Ulrich imagem divulgação

O Metallica curte neste momento uma pequena pausa na sua turnê pela América do Norte, mas logo na quarta-feira (05) a banda já tem uma apresentação em Orlando, na Flórida.

O compromisso com a agenda de shows, principalmente agora com a promoção do mais recente álbum da banda, “Hardwired … To Self-Destruct”, foi um dos temas da entrevista que Lars Ulrich deu para a Newsweek.

O baterista do Metallica afirmou que as turnês estão no DNA do grupo, já eles caem na estrada até mesmo quando não têm que promover o lançamento de um disco ou DVD.

“É bacana sair do rota tradicional do rock, principalmente agora que temos uma grande estrutura. Há mais países onde a gente pode tocar”, disse o músico.

No entanto, Lars revelou que o Metallica trabalha com uma dose certa para cumprir sua agenda e não deixar seus integrantes longe da família.

“A gente se apresenta em períodos de duas semanas para não ficar muito tempo longe de casa e ninguém perder a cabeça”, contou.

Segundo ele, dessa forma a banda minimiza o risco de colocar tudo a perder e se mantém equilibrada.

“Isso tem funcionado. Para mim, a melhor coisa do mundo são aquelas duas horas no palco”, revelou o baterista do Metallica.



COMPARTILHE


NOTÍCIAS RELACIONADAS