Mike McCready, guitarrista do Pearl Jam, comenta morte de Chris Cornell

Redação 89

Mike McCready, guitarrista do Pearl Jam, comenta morte de Chris Cornell imagem divulgação

Um dos grandes amigos de Chris Cornell, o guitarrista Mike McCready, falou sobre a perda do ícone grunge para o Seattle Times.

De acordo com McCready, Cornell significou muito para ele, já que no início dos anos 90 abriu portas no universo musical.

Os dois foram companheiros no Temple Of The Dog, lendário supergrupo de Seattle que também contou com o baterista do Soundgarde/Pearl Jam, Matt Cameron, e Jeff Ament e Stone Gossard, membros do Pearl Jam.

“Ele me confiou o cargo de guitarrista do Temple, me dando a chance de realizar o sonho de tocar belas canções”, disse o músico.

O trabalho no Temple Of The Dog, revelou McCready, o ajudou a desenvolver técnicas que moldariam mais tarde os seus trabalhos do Pearl Jam.

Sobre a importância do cantor que nos deixou: “Chris Cornell pintou em músicas a escuridão e a beleza da vida em Seattle”.

Neste sábado (20) o Pearl Jam se manifestou sobre a morte de Chris Cornell postando na sua página no Instagram uma foto dele abraçado com um cachorro:



COMPARTILHE


NOTÍCIAS RELACIONADAS