Não basta ouvir heavy metal, tem que ler heavy metal

Willian Maier

Não basta ouvir heavy metal, tem que ler heavy metal imagem divulgação

É com essa pegada que a jornalista Laura Udokay escreveu um romance que leva o nome de “Martini, O Pequeno Demônio”.

Primeira obra publicada da escritora, o livro foi inicialmente disponibilizado no formato de e-book em 2010, para três anos depois ganhar uma edição física.

O sucesso na internet e agora nas livrarias credencia “Martini, O Pequeno Demônio” para se tornar um verdadeiro clássico da literatura rock brasileira, devido aos detalhes apresentados pela autora da cena heavy metal paulistana do início da década de 90.

martinidemoniodivulg

Com uma narrativa jovem e coloquial, a trama ainda aborda temas como o cenário político da época e das falcatruas das gravadoras e empresários do mundo da música.

O leitor se depara com a história de um garoto precoce de dezesseis anos, Liam Martini, que a partir do momento em que ingressa numa banda de rock pesado, tem a vida, que já era uma doideira, virada de ponta cabeça a medida que aprofunda suas raízes no heavy metal.

Quer saber mais? Acesse: Ideal Shop ou Livraria Cultura

 



COMPARTILHE