Anos 90 na base do rock atual

Willian Maier

Anos 90 na base do rock atual imagem divulgação

A imprensa americana tenta entender como bandas dos anos 90 ainda são relevantes no cenário rock atual. O grande exemplo é o Pearl Jam que lota estádios com ingressos superiores a 80 dólares como se fosse 1996 e vende um disco novo como se o hábito de colocar um CD para tocar ainda fosse algo considerado normal em 2013. “Lightning Bolt” do Pearl Jam estreou no número um na Billboard Top 200 e vendeu mais de 165 mil cópias na primeira semana de lançamento, com lojas registrando falta do produto.

Outras bandas de rock que tiveram sucesso grande nos anos 90, como Foo Fighters, Nine Inch Nails e Red Hot Chili Peppers têm um sucesso similar. Estes grupos provam sua relevância cada vez que lançam um novo álbum e colocam o dito cujo no topo das paradas. Prova de que amadureceram e estão fazendo apresentações e gravações aprimoradas.

O rock não estaria morto, mas não seria tão representativo atualmente se nos anos 90 alguns grupos tivessem se separado ou encerrado definitivamente as atividades. Isso mostra que é necessário uma nova safra de bandas nascendo a cada geração e se mantendo vivas, para que a base do rock esteja sempre sólida.

Certamente os representantes dos anos 2000 irão contribuir para que a chama do rock´n´roll se mantenha acesa nos próximos anos, assim como o pessoal dos anos 90 tem feito atualmente.



COMPARTILHE