Festival Videobrasil comemora 30 anos

Willian Maier

Festival Videobrasil comemora 30 anos imagem divulgação

Começou hoje para o público em geral a 18ª edição do Festival de Arte Contemporânea Sesc Videobrasil, no galpão e no segundo andar do ginásio esportivo do Sesc Pompeia, na zona oeste de São Paulo.

O evento reúne 94 artistas de 32 países na mostra Panoramas do Sul, assim chamada por privilegiar a produção de realizadores do Sul geopolítico (América Latina, Caribe, África, Oriente Médio, Europa do Leste, Sul e Sudeste asiático e Oceania).

Um dos primeiros festivais dedicados à arte eletrônica, o Videobrasil completa 30 anos trazendo outra mostra com destaques de suas edições desde 1983, além de produções recentes de grande repercussão lá fora, como Bosphorus: a Trilogy, vídeo feito em Istambul pela iraniana Bita Razavi, que vive em Helsinque, e My Father, do paquistanês Basir Mahmood.

Entre os artistas selecionados para esta edição do festival, destacam-se nomes revelados pelo Videobrasil e que hoje frequentam mostras internacionais, como o libanês Akram Zaatari, presente com o polêmico vídeo The End of Time, que discute, entre outros temas, a homossexualidade no meio muçulmano.

O Videobrasil rola até o dia 22 de fevereiro no Sesc Pompeia, Rua Clélia, 93, de terça a sábado, das 9 h às 22 h, e domingo das 9h às 20h, com entrada gratuita.



COMPARTILHE