Coletivo selvaSP retrata as recentes manifestações

Willian Maier

Coletivo selvaSP retrata as recentes manifestações imagem divulgação

Os protestos populares que tomaram a cidade de São Paulo durante o mês de junho foram retratadas pelos fotógrafos do coletivo selvaSP, que agora fazem exposição do trabalho na Galeria Imã até 7 de outubro.

Entre os trabalhos, está a fotografia de Victor Dragonetti, 22, o Drago, que mostra o policial Wanderlei Vignoli ferido na cabeça e apontando uma arma para um grupo de manifestantes.

Criado em 2012, o selvaSP tem como objetivo reunir fotógrafos que registram a cidade de São Paulo.

Ao todo, oito fotógrafos integram o grupo: Gustavo Gomes, Rafael Mattar, Syã Fonseca, Francisco, Drago, Leo Eloy, Gustavo Morita e Padu Palmério.

Cada um com ensaios, preferência e ideias particulares, mas unidos em torno da fotografia de rua.

SelvaSP Manifesta rola até o dia 7 de outubro, gratuitamente, na  Imã Foto Galeria, quer fica na Rua Fradique Coutinho, 1239, Vila Madalena, São Paulo.

 



COMPARTILHE