Responsabilidade Criminal

Redação 89

Responsabilidade Criminal imagem divulgação

v

O descaso de órgãos da segurança e justiça aliado a complacência social tornam o crime atraente para jovens com desvio de conduta e inclinados a uma vida desonesta.

Para eles, o crime compensa e reduz todas as etapas naturais pelas quais iniciamos nossas conquistas. O esforço disciplinado para uma formação profissional e o caminho digno a ser trilhado para um futuro promissor perdem interesse para “a vida fácil” ilusória, a maior parte dos adolescentes que entra para este mundo, acabam eliminados pelas consequências da marginalidade bem antes de usufruir de seu próprio “negócio”.

Mas é fato que muitos também são vítimas de ações transgressoras, sendo usados por adultos infratores que os manipulam. Outro fator, é a divulgação de um crime, quase em forma de apologia. Pouco se é transmitido sobre a prática do bem e os princípios para uma vida virtuosa. É preciso admitir também que as pessoas se sentem impotentes em reagir e lutar contra a criminalidade e acabam se resignando, achando que nada pode ser mudado.

No departamento de jornalismo da UOL 89 A Rádio Rock, recebemos alguns comentários sobre a revista “Isto é” do dia 26/04 (ed.2267), na capa o título: “Maioridade Penal aos 16 anos”?. Um garoto segura o skate em uma das mãos e na outra uma arma, muitos skatistas se sentiram ofendidos com a estereotipagem (agradecimento a Oreste Matias Oliveira por nos chamar a atenção a essa ofensa).

Atos ilícitos, personalidade duvidosa, não há um padrão nem tão pouco uma imagem que se possa determinar para quem está inserido na criminalidade. Deve-se tomar medidas educacionais preventivas explícitas para combater tais violações ao invés de criar a figura do marginal e simplesmente se esquivar da situação. Porque a disciplina para uma boa conduta, não merece investimentos semelhantes a obrigação de erradicar os danos causados por comportamentos contrários às leis sociais e naturais?



COMPARTILHE